20/09/2010 -> Aurora vai nascer!!

Hoje foi um dos dias mais loucos, mas, mesmo assim, consegui manter a calma e a ouvir meu corpo.
Fui pra ultrassonografia de manhã com Pampy e o exame mostrou que o líquido amniótico estava baixo. ILA = 4, numa escala de 5 a 20. Doppler normal, ou seja, Aurora sem sofrimento fetal. Mas o médico recomendou ligar pra minha obstetra assim que chegasse em casa. Acabou que ele mesmo ligou pra Dra. Isabela. Eu nem tinha chegado em casa e ela começou a me ligar no celular, mas eu preferi não atender. Queria chegar em casa, respirar um pouco, pensar nisso tudo... Já cheguei em casa disposta a negociar a indução, mas, quando entrei em casa, Dra. Isabela estava no telefone com o Arthur. Ele tinha uma cara de pavor, mal falava, só ouvia. Eu cheguei e fui pro banheiro, fazendo sinal pra ele avisar pra Dra. Isabela que ligaria pra ela em alguns minutos. Quando ele desligou o telefone perguntei o que ela tinha dito. E as palavras dele foram: "sofrimento fetal", "internar agora" e "cesariana". Peraí??? Como assim??? Dr. Sério mesmo disse que o doppler estava normal, que não era uma emergência, mas que configurava, sim, uma interrupção da gravidez. Mas ele mesmo conversou sobre indução, falando que isso depende das condições do colo e tal.
Eu achei aquilo muito estranho... Não via motivo pra fazer cesárea, quando acreditava que a indução ainda poderia ser tentada. Decidi - aliás, já vim pra casa pensando nisso - ligar pra Ingrid, do Ishtar, e pedir um conselho. Liguei e ela pediu pra eu mandar tudo que tinha no meu ultrassom por e-mail e ela consultaria alguns médicos. A opinião de todos foi a mesma: ingerir MUITA água (4 litros por dia) e repetir o ultrassom em 2 ou 3 dias. Alguns disseram que não viam razão nem pra induzir, que era só esperar.
Resolvi ligar pra Dra. Isabela, ou ela ligou de novo, não sei. Perguntei por que não a indução e ela disse que Aurora não teria condições de aguentar um trabalho de parto, porque era pouca água e o doppler mostrava que ela estava quase entrando num processo de compensação, centralização, sei lá o que. Eu achei muito estranho, porque o Dr. Sérgio tinha dito que estava tudo normal... Resolvi ligar pra ele, mas ela ficou me pressionando. Disse que tinha ligado na Perinatal e eles só tinham um horário, às 13h, pra me internar pra cirurgia. E que ela já havia acionado a equipe toda, que estavam esperando minha resposta. E eu achei que ela estava super exaltada, falando alto, falando que se eu não concordasse com a conduta dela, era pra procurar outro médico.
Corri pra falar com o Dr. Sergio. Ele demorou muito pra me atender, estava no telefone com "outro médico"... Quem será que era? rs Ele foi um amor, me explicou tudo direitinho do ponto de vista dele, que também é obstetra. Ele disse que eu não sou paciente dele, mas que se fosse, teria que avaliar meu colo e que, se estivesse favorável, faria uma indução. Se não, cesárea. Mas que isso é a conduta de cada médico. Eu comecei a achar muito estranho, porque a Dra. Isabela não falou nada de ver meu colo e tal... Pra ela, já era cesárea de uma vez... Entedi essa coisa da "conduta". Essa é a conduta dela, não vai mudar. Então, quem tinha que mudar, era eu.
Falei com ela mais uma vez e aí, como já tinha recebido respostas de outros médicos, pela Ingrid, dizendo que pegariam meu caso, mesmo agora, com 40 semanas, me senti mais tranquila. Mesmo sabendo que ia ter que pagar... Da próxima vez que a Dra. Isabela falou que era agora ou nunca com ela, eu preferi dizer que agora não teria como ser, porque eu precisava mesmo de uma outra opinião médica. Aí ela disse que se eu precisava de outra opinião, era porque não confiava nela. Isso me soou muito mal, porque desde sempre eu ouço dizer que o paciente tem todo direito a ter uma segunda opinião. Fiquei decidida a ouvir de outro médico o que era indicado, nem que fosse indo a uma emergência de hospital público.
E assim, me vi sem obstetra. Segundo ela, porque eu a abandonei. Mas, do meu  ponto de vista, ela só me deu uma escolha. E essa não foi a MINHA escolha.
Não, eu não sou médica, mas eu NUNCA faço nada sem ter certeza de que é o melhor. Não foi assim pra comprar carrinho da Aurora, não foi assim pra comprar berço, não ia ser assim pra escolher o nascimento dela, né?

Por recomendação do Dr. Rodrigo, super conhecido no meio do parto humanizado, era pra eu procurar a Dra. Fernanda aqui no Rio, porque ele estava atendendo em Niterói hoje. Liguei pra ela, resumi a história pelo telefone e falei que queria muito uma opinião de alguém que ME VISSE e visse meu colo. Ela perguntou se eu tinha como chegar em Copacabana em meia hora. Claro! A família buscapé entrou num taxi e foi toda pra lá. A consulta foi rápida, porque ela estava indo fazer um parto, mas tudo que precisava ser dito, foi. Resumi a gravidez e os últimos capítulos da novela, ela me examinou, disse que o colo estava, sim, favorável, com 2 a 3cm de dilatação e que não estava grosso. Uma indução seria possível e, segundo ela, indicada, pela falta de líquido. Se Aurora estava sofrendo? Não, de jeito nenhum. Se ela ia aguentar um parto normal? Só iniciando o processo pra saber. E aí, com a monitorização durante o parto, se qualquer coisa indicasse a necessidade de uma cesariana, a gente fazia. E aí ela descolou minha membrana - que eu ainda não entendi o que é, mas sei que é bom pra iniciar o trabalho de parto e até uma outra médica que foi consultada pela Ingrid tinha chegado a indicar isso, porque pode ser que nem seja preciso ocitocina depois disso - e indicou uma indução pra hoje à noite ou amanhã cedo. Provavelmente será com ela e na Perinatal mesmo. Fiquei de ligar pra ela mais tarde pra ver questão de preço e tal... Arthur está todo tenso e eu sei que é por causa desse gasto inesperado e que a gente simplesmente não podia ter agora, principalmente quando é quase certo de acabar a pensão dele. (Bill Gates, se você ou algum dos seus amigos estiver acompanhando o blog, eu aceito doações! rs)

Viemos pra casa e eu estava cansada, quis deitar, mas tinha que ficar de olho na barriga, porque toda hora ela estava ficando dura... Ou melhor, de poucos em poucos minutos. Mas sem dor, talvez um leve incômodo. Mas eu ainda não sei dizer se são contrações!!! Sei que tenho ido satisfatoriamente ao banheiro, e isso geralmente acontece no trabalho de parto.
Eu acho que está começando naturalmente. Espero que nem seja preciso me aplicar ocitocina. Mas, se precisar, estarei disposta a tudo.

Minha vó inicialmente achou um absurdo eu mudar de médico agora, mas eu sei que fiz o melhor que podia ser feito por mim e pela Aurora.

Agora vou me recolher, mas indicam não deitar... Mas eu estou cansada... rs Acho que vou deitar um pouquinho só e reunir forças pra me preparar.

Amanhã volto com notícias. Ou não! Mas fiquem todos em paz, pois estamos nas mãos de Deus e médico melhor não existe! =)

6 comentários:

  1. Faça se a LUZ DIVINA!
    Tu, a Aurora, o Papai a Médica e todos envolvidos neste processo sejam extremamente muito abençoados agora e sempre!!
    Gratidão Amor

    ResponderExcluir
  2. ahah abri o blog pensando: "noss, vai que a carol nao postou hoje - ou vai que ela postou que a aurora nasceu!!" acabou sendo o meio termo!

    menine, tomara que de td certo e que a medica nao te enfie a faca no bolso no lugar de enfiar na barriga! e que bom que a senhorinha manteve a calma e o controle da situação! essas duas mulheres são de fibra!! bons momentos pra vcs duas e quem mais estiver por perto... e volta logo com boas noticias =D

    ResponderExcluir
  3. Carol, boa sorte amanha na indução. E sim, vc esta sentindo contracoes :) senão ainda de TP, são as contracoes de preparação ajeitando o terreno. Quem sabe na madruga isso não engrena ? De notícias se conseguir. Estamos torcendo por vc e Aurora

    ResponderExcluir
  4. chá de canela, muitos beijos e amor, massagens, caminhadas! muitas bençaos! e aguardo noticias! fica com Deus!

    ResponderExcluir
  5. vai nasceeeeeeeeer.
    achei seu blog nessas andanças pela itnernet, mas acredite, não posso divagar um minuto que penso se a aurora já nasceu. Estou torcendo muito por vocês! :)

    ResponderExcluir
  6. uhu!!!!!!!!!! Fui mandar um e-mail pra vc e resolvi entrar no blog primeiro e vi as notícias! PARABÉÉÉÉÉÉNS!!!!!!!! eu sempre digo que fidelidade a gente tem que ter a Deus e ao nosso marido. A médico'???? JAMAIS!!!! parabéns pela força e coragem para mudar de médico. Eu, na última gestaçao, passei por 5!!! Mas foi em casa, graças a Deus...Como disseram aí, agora é muito chá de canela, pimenta e fé em Deus. Beijão.

    ResponderExcluir